Como Cultivar Abobrinha Em Casa

Se você está planejando montar uma horta de verão repleta de alimentos deliciosos, as abobrinhas devem ocupar um lugar de destaque em seu cultivo. Esses vegetais versáteis são fáceis de cultivar e podem ser preparados de várias maneiras, desde cozidos até grelhados e até mesmo em saladas. Neste artigo, vamos explorar em detalhes como cultivar abobrinhas em sua própria horta, desde o preparo do solo até o combate a pragas e doenças.

Continua após a publicidade

Variedades de Abobrinhas no Brasil:

No Brasil, encontramos diversas variedades de abobrinhas, cada uma com suas características únicas. As principais variedades incluem a abobrinha italiana, com frutos alongados e claros, e a abobrinha menina ou brasileira, facilmente reconhecida pelo seu fruto com um “pescoço”. Entre as variedades mais populares, destacam-se a Clarita, Samira, Mazourka, Menina-brasileira, Vitória, Sandy, Yasmim, Caserta, Clarinda, Brasileirinha, Minipaulista e Daine. A maioria dessas cultivares prospera em regiões com temperaturas entre 20°C a 35°C.

Continua após a publicidade

Passo 1 – Prepare o Solo Adequadamente:

As abobrinhas precisam de espaço para se desenvolver plenamente. O espaçamento entre as plantas deve ser de 1 metro para garantir que as folhas não sombreiem outras plantas. Certifique-se de preparar o solo com nutrientes suficientes. Adicionar bolas de algas marinhas ou esterco de aves a cerca de 1 metro de distância da cova de plantio fornecerá às abobrinhas os nutrientes de que precisam.

Continua após a publicidade

Nota: Se outras plantas em seu jardim estiverem lutando para crescer na sombra das abobrinhas, você pode remover cuidadosamente algumas das folhas maiores e mais antigas, sem prejudicar a planta.

Passo 2 – Escolha a Época de Plantio Adequada:

A época de plantio da abobrinha varia de região para região no Brasil. Antes de iniciar o plantio, prepare o local cavando covas com a profundidade e largura de uma pá de jardim. Preencha essas covas com matéria orgânica ou esterco de aves. Plante 2 ou 3 sementes de abobrinha a uma profundidade de aproximadamente 2,5 cm em cada cova. Cubra o local com uma garrafa ou lona plástica por pelo menos 2 semanas após a germinação. Se várias sementes germinarem, retire as mudas mais fracas.

Alternativamente, você pode comprar mudas de abobrinha em lojas de jardinagem locais e plantá-las no período de plantio.

Passo 3 – Regue Adequadamente:

Mantenha o solo das mudas de abobrinha úmido, mas não encharcado. Use cobertura morta ao redor das plantas para ajudar a reter a umidade. Após o plantio inicial, regue as plantas de 2 a 3 vezes por semana. Evite que a água atinja as folhas das plantas para evitar o apodrecimento. Uma técnica útil é enterrar um pote de 15 cm ao lado da abobrinha e adicionar água dentro dele para que a água seja filtrada diretamente para as raízes da planta.

Passo 4 – Cuidados com as Plantas:

Manutenção adequada é essencial. Retire as ervas daninhas que crescem ao redor das plantas e proteja as mudas de abobrinha do frio com tecido ou material de estufa. Mantenha o solo constantemente úmido e aplique fertilizante líquido rico em potássio a cada 10 a 14 dias após os primeiros frutos aparecerem.

Passo 5 – Escolha o Local Adequado:

As abobrinhas prosperam sob o sol direto por pelo menos 6 horas por dia. Proteja as plantas contra ventos fortes, pois elas não são resistentes. É possível cultivar abobrinhas em vasos, desde que você escolha um recipiente com cerca de 10 litros de capacidade e faça orifícios na parte inferior para drenagem.

Passo 6 – Estimule a Floração:

As abobrinhas produzem flores masculinas e femininas. Para incentivar a frutificação, regue com frequência e aplique fertilizante de tomate a cada 2 semanas. Colher frutos pequenos pode estimular o crescimento da planta. As flores de abobrinha também são comestíveis e podem ser usadas em diversas receitas.

Passo 7 – Cuidado com Pragas e Doenças:

Fique atento a doenças como o oídio, vírus do mosaico do pepino e mofo cinzento. Remova as partes afetadas das plantas e mantenha o solo úmido, especialmente durante períodos secos, para prevenir doenças.

Conclusão:

Cultivar abobrinhas em sua horta é uma atividade gratificante e relativamente simples. Ao seguir esses passos, você estará no caminho certo para colher uma abundância de abobrinhas frescas e deliciosas em sua própria horta de verão. Aproveite a versatilidade desses vegetais em sua culinária e desfrute dos benefícios de cultivar seus próprios alimentos.

Veja nossas categorias de Receitas doces e Receitas salgadas.

Se você gostou da nossa receita, peço que curta e siga nossa página do Facebook clicando aqui.

Deixe um comentário